Quer receber nossas novidades?

 

 

Cadastre-se e receba nossa newsletter

ENDEREÇO

Av. Marechal Floriano Peixoto, 7401 - Sala 18

2º Andar - Bairro Boqueirão

Curitiba/PR - CEP: 81650-000

Fones: (41) 3018-6047 / 3018-6104

Visitante N°

Cartografia, mapeamento e suas aplicações


Você sabe o que é cartografia e qual é a aplicação da mesma em sua rotina de trabalho? Caso existam dúvidas a respeito, você veio ao lugar certo!

Este post foi idealizado com o principal propósito de definir claramente o conceito de cartografia e destacar o percurso que um profissional deve tomar para atuar nesta área.

Confira, e descubra conosco a melhor aplicação conceitual para manter o uso de tecnologias cada vez mais eficientes no seu empreendimento!

O que é a cartografia

A cartografia é uma ciência secular que tem como principal objetivo promover uma representação gráfica de diferentes superfícies terrestres. Com isso, obtém-se como o seu produto final o mapa — que foi de grande importância para as navegações durante a expansão marítima, entre os séculos 15 e 16.

Dessa maneira podemos afirmar que a cartografia é a ciência que estuda, produz, concebe, difunde e utiliza os mapas para diversos propósitos. Para o estudo geográfico, a cartografia desempenhou um papel essencial, que contribuiu amplamente com a análise do ambiente que nos rodeia. Só que, atualmente, o modelo evoluiu juntamente com outros setores.

E tudo isso em decorrência do advento tecnológico, que permite a utilização de fotografias aéreas, por exemplo, hoje em dia realizadas por aviões e até mesmo por drones. Só que vale apontar, também, a relevância do sensoriamento remoto por satélite.

Por meio dele e outros recursos potencializados pelo ambiente digital proporcionam uma precisão maior nos cálculos e representações cartográficas. Algo que pode destacar, entre outros fatores, detalhes até mesmo sobre o relevo da superfície do solo.

A base para o estudo da cartografia

O conceito acima explicado também é a base estrutural para os profissionais formados em engenharia cartográfica e agrimensura, uma especialização que coloca os seus representantes como os responsáveis pela captura e análise de dados geográficos.

Assim, eles têm em mãos informações precisas e confiáveis para elaborar mapas representativos de variadas superfícies. Ou seja, o mapeamento é usado para a produção de uma imagem que simule a superfície de algo já existente. Com isso, é possível fazer análises detalhadas e compor com exatidão o que a região mapeada tem a oferecer — tanto em oportunidades quanto em carências que devem ser avaliadas.

O conceito, inclusive, é parte elementar das soluções de mapeamento e GIS promovidas pela Santiago & Cintra. No caso, podemos citar o Spectra Precision Mobile Mapper 50, que realiza levantamentos cadastrais por meio de uma biblioteca de características pré-definidas pelo usuário.


Fonte: Blog Santiago e Cintra.